DONATE NOW TO HELP UPGRADE LIBCOM.ORG

Grupo Autonomia (Rio de Janeiro - Brasil)

O mito do socialismo cubano - Grupo Autonomia

O proletário cubano se encontra, como qualquer outro, separado de todo meio de vida, de todo o meio de produção necessário para viver. Em Cuba, como em qualquer outro país latino-americano e do resto do mundo, o trabalhador enfrenta duras condições de sobrevivência, concentradas como forças alheias e hostis, inteiramente privado (propriedade privada significa exatamente isto!) de seus meios de vida. No latifúndio de Fidel Castro, a propriedade privada não foi abolida, mas concentrada e metamorfoseada juridicamente em propriedade estatal.

Aceitar o mal menor é suicidar-se um pouco, todo dia - Grupo Autonomia

Da primeira aceitação do mal menor em diante, não há ruptura e sim continuidade. Aceita-se um novo imposto, mais uma demissão, a centésima redução de salário e a 'última' humilhação... até que o mal menor talvez seja o suicídio, negação final de todos os desejos.

O bom cidadão – ZEROWORKER

Texto publicado em Amigos da Revolução Social, ano 1 #0, em outubro de 2001.

Teses para a formação de uma rede de indivíduos, grupos e organizações autônom@s - Grupo Autonomia

Teses práticas sobre democracia direta, auto-organização, seu modo de funcionamento e estrutura.

A reprodução da vida cotidiana - Fredy Perlman

Excelente análise de Fredy Perlman da alienação e da maneira como nós, enquanto trabalhadores, reproduzimos a economia capitalista cotidianamente. (Traduzido e publicado pelo Grupo Autonomia no website Biblioteca Virtual Revolucionária em fevereiro de 2000 a partir da versão original em inglês de Black & Red, 1969).